O MAR
















































Não creio que a maré deixe de subir ou descer
Só porque a Lua amue no céu
Não acredito que a espuma deixe de enfeitar as ondas
Só porque o vento amaine a paixão
Não me parece que esta onda deixe de rebentar
Só porque na praia haja rochas escondidas

Creio que a Lua é maré
Acredito que a espuma é vento
Parece-me que a onda é rocha

Caso contrário é mar apenas

1 comentário:

  1. Para além de fotógrafo, também temos poeta?
    Muito bem. Tem jeito para as duas coisas. Disso não tem a mais mínima dúvida.

    ResponderEliminar