UM PONTO


3 comentários:

  1. Por acaso, vou ter esse problema quando um dia destes passar por Lisboa... achar um ponto... onde haja espaço para colocar os pés, no meio da confusão caótica, que sempre reina por estes dias...
    Agora, por aqui, estará mesmo uma imagem, que é mesmo um grande ponto... de uma simplicidade adorável, brilhantemente enquadrada, em que o leve tom mais acentuado da joaninha, é o suficiente para nos prender a atenção, por completo...
    Esta é apenas uma das minhas imagens preferidas por aqui...
    Parabéns! Bjs
    Ana

    ResponderEliminar
  2. Eu acho que a fotografia vale bem mais que um ponto. Eu acho que vale pelo menos 100 pontos.
    :-)

    O efeito das linhas, criado pelas ervas, está sublime. E a joaninha (ou será um escaravelho?) podemos considerar que é a cereja em cima do bolo.

    ResponderEliminar